Pelo fim do preconceito contra a idade | Vicky Bloch | Pulse | LinkedIn

Fonte: Pelo fim do preconceito contra a idade | Vicky Bloch | Pulse | LinkedIn

Quando as organizações vão começar a enxergar seus profissionais a partir da sua entrega, e não da sua idade? É triste continuar com essa percepção em pleno ano de 2017, mas infelizmente o mercado ainda não sabe o que fazer com os profissionais com mais de 50 anos – e quem dirá com os que passaram dos 60.

Percebo que existe um crescimento do número de aposentados que são contratados como prestadores de serviço, assim como ouço, vez ou outra, casos de empresas que estão fazendo esforços para contratar funcionários com mais de 50. Mas sei que esse movimento ainda está muito distante de ser uma tendência.

Infelizmente, muitas empresas ainda têm a visão preconceituosa de que as pessoas mais velhas são profissionais desatualizados, com dificuldade de adaptação às novas tecnologias e resistentes ao novo. Parece que o universo corporativo ainda trata os sessentões como se fossem velhinhos de bengala incapazes. Agora vamos lá, faça um exercício: pense nas pessoas que você conhece (ou em você mesmo) na faixa dos 60-65 anos e me diga se essa impressão de velhinho realmente se confirma.

Pois vou dizer que a maior parte das pessoas com 60 anos que eu conheço é absolutamente capaz, ativa, jovem de cabeça, atualizada e produtiva. Além, claro, da super bagagem que traz nas costas e a enorme capacidade de contribuir.

Mas o que acontece com essas pessoas? São descartadas pelo mercado.

Não podemos nos esquecer que a população brasileira está envelhecendo e a nossa jovem pirâmide populacional está se invertendo. Segundo um levantamento do Ipea, o Brasil deve envelhecer nos próximos 30 anos o que a Europa levou séculos. Em 2040, mais de 57% da população em idade ativa terá mais de 45 anos. Não se pode ignorar esse fenômeno social.

Está na hora das empresas aprenderem a aproveitar melhor tanta sabedoria, networking e experiência que está disponível por aí. Seja encontrando formatos mais flexíveis de trabalho, novos modelos de contrato ou diferentes maneiras de se relacionar com essas pessoas.

O importante é quebrar esse paradigma atual das práticas e políticas de recursos humanos e acabar com o preconceito contra a idade. Afinal, o novo cenário está logo ali e o mundo terá de se adaptar a ele. Que o faça da forma mais inteligente possível.

Share Button

Hits: 9

Jantar dançante de carnaval na Braspol

Aconteceu neste sábado na sede da Braspol de Campo do Tenente  o 1º grito de carnaval com um maravilhoso jantar, muita gente bonita e aquele café na madrugada.

 

Share Button

Hits: 31

Secretaria da Saúde de Campo do Tenente realiza audiência pública

A secretaria de Saúde de Campo do Tenente apresentou a prestação de contas referente ao 3º quadrimestre de 2016 em audiência pública, realizada nesta terça-feira (21), às 19h, na Câmara de Vereadores.

A reunião, que faz parte do cumprimento da Lei Complementar 141/2012, contou com a presença de representantes do Conselho Municipal de Saúde e do público em geral.

Além de expor para a população quais foram os investimentos realizados na área da saúde, a audiência também serviu para ouvir dos cidadãos tenenteanos, questionamentos e sugestões para a contínua melhoria da Saúde no município.

Na audiência foi apresentado um relatório de gestão, exibindo os dados relacionados a todos os setores da Secretaria de Saúde. Foram explanados os serviços que existem no município, as ações, campanhas, programas e atendimentos.

O secretário municipal de Saúde, Edson de Souza, fala sobre a audiência.

“A audiência pública é muito importante, sendo o momento que o administrador faz a prestação de contas tanto das ações desenvolvidas na saúde como o demonstrativo dos recursos gastos para realizá-las, é o momento oportuno da população tomar conhecimento e também realizar reivindicações para a melhoria nos serviços ofertados”, comentou Edson.

Share Button

Hits: 17

Imagem de ‘Jesus morto’ passa por restauração

Obra pertence a Capela Cônego José Ernser no Seminário Seráfico

A imagem de “Jesus morto” localizada na Capelo Cônego José Ernser no Parque Ecoturístico Municipal São Luis de Tolosa passou por um delicado processo de restauração. Nesta semana, a imagem retornou ao seu local original e a população já pode conferir o resultado do trabalho.
Todo o processo foi realizado pela restauradora da Secretaria de Cultura e Turismo de Rio Negro, Ana Letícia Valério Hirt. Primeiro foi realizada a limpeza da imagem: mecânica (com pincéis e bisturi) e com produtos químicos previamente testados. A limpeza consistiu na retirada de sujeiras acumuladas no decorrer dos anos, repinturas realizadas de maneira inadequada e também uma camada de cera que cobria parte da imagem. O intuito da restauração é resgatar a imagem original, por isso a limpeza é feita com muito cuidado e toda camada de tinta ou agente utilizado de maneira inadequada é removida.
Após a limpeza, foi realizado o preenchimento das partes faltantes, com material próprio para restauração de imagens. Depois de feito o preenchimento foi realizada a reintegração, que consiste na pintura apenas nas partes faltantes que foram preenchidas. Esta reintegração foi realizada com tintas especiais para restauração. Para finalizar foi feito a aplicação da camada de proteção.
A Secretaria de Cultura e Turismo se dedica ao cuidado e manutenção dos objetos e bens históricos. A referida imagem faz parte da Capela Cônego José Ernser desde sua construção e por isso possui grande valor histórico, cultural e religioso.

Share Button

Hits: 9

ATLETAS DA SMEL-RN SUPERAM EXPECTATIVAS NA 6ª MEIA MARATONA RIOMAFRA!!!

Colhendo os bons frutos dos treinamentos realizados, os atletas da SMEL-RN fizeram ótimas provas neste último domingo (19/02), tanto nos 5km como nos 21km.

5KM MASCULINO – Categoria 14 a 23 anos:
1º lugar – Matheus Godoy – 18m28seg (3º lugar geral da prova)
5º lugar – Bruno Eder – 21m52seg
6º lugar – João Henrique Stephani – 22min13seg
7º lugar – Matheus Siqueira – 22min34seg
10º lugar – Igor Luiz Alves – 23min16seg
19º lugar – Marcelo Andrade – 25min05seg
20º lugar – Antonio Marcos – 25min36seg
* Leonardo Kobus correu como “pipoca” com o tempo de 22min20seg

5KM MASCULINO – Categoria 54 a 99 anos:
5º lugar – Carlos Antonio Carvalho – 28min21seg

5KM FEMININO – Categoria 24 a 29 anos:
37º lugar – Iriane Maciel – 33m06seg

5KM FEMININO – Categoria 30 a 35 anos:
14º lugar – Poliana Ribeiro – 26m18seg

5KM FEMININO – Categoria 42 a 47 anos:
21º lugar – Viviane Maciel – 32m38seg

21KM MASCULINO – Categoria 14 a 23 anos:
5º lugar – Vitor Goetten – 1h39min52seg, conquistando também o 58º lugar geral dentre os 307 atletas que completaram a prova.

21KM MASCULINO – Categoria 42 a 47 anos:
29º lugar – Alessandro Von Linsingen – 1h56min26seg, conquistando também o 177º lugar geral dentre os 307 atletas que completaram a prova.

Este edição da MEIA MARATONA foi a maior de todas já realizadas, com cerca de 1233 atletas participando ativamente no dia da prova.

A SMEL-RN parabeniza a cada um de seus atletas pelos resultados obtidos e principalmente agradece por representar com muita dignidade as cores da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer de Rio Negro.

Share Button

Hits: 10