Nova rota de cicloturismo é debatida com municípios da Região Metropolitana de Curitiba

Sharing is caring!

Foto das pessoas que participaram do encontroA Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba – Comec, realizou uma reunião com o objetivo de debater a criação de uma rota de cicloturismo no suleste da Região Metropolitana.
O encontro contou com a participação e palestra dos especialistas Ivan Mendes e Therbio Felipe – integrantes da Lobi Cicloturismo, e representantes de municípios da região.
Para o presidente da Comec Gilson Santo, “o cicloturismo vem se destacando como uma modalidade de turismo com bons resultados, baixo impacto e baixo investimento. Uma excelente oportunidade, principalmente, para os pequenos municípios. Algo que a Comec tem muito interesse em fomentar, não só na região suleste, mas em todas as demais regiões da RMC”.
 
Para Ivan Mendes, “a região é rica em belezas naturais e culturais, mas a falta de uma rota oficial acaba afastando muitos turistas que buscam por este tipo de atração”. “Quando um ciclista busca por uma rota, ele precisa de uma estrutura básica, informações claras sobre o trajeto a ser percorrido e, principalmente, preparo da população para recebê-lo. Por isso o alinhamento entre todos os municípios é fundamental”, destacou.
A nova rota, deverá abranger os municípios de Fazenda Rio Grande, Mandirituba, Tijucas do Sul, Agudos do Sul, Rio Negro, Campo do Tenente, Lapa, Quitandinha, Contenda e Piên, e deverá ser a primeira entre as rotas que estão sendo estudadas pela Comec.
Participaram do encontro representantes dos municípios de Rio Negro, Campo do Tenente, Lapa, Quitandinha e Mandirituba, além de técnicos da Comec e representantes da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras do Estado do Paraná.
 
Foto: Maurílio Cheli

Fonte: Comunicação COMEC

Share Button

Hits: 0